[Dicas] Leia mais: 7 dicas para aumentar a leitura

Quem acompanha o Folhetim Online sabe que um dos nossos objetivos é incentivar a leitura, fornecendo dicas e textos para que o gosto pela leitura aflore naqueles que deixaram de lado essa prática, principalmente depois dos dados fornecidos pelo Instituto Pró-Livro, que mostrou uma queda de 8% no gosto pela leitura, nos brasileiros.

Assim, tentando incentivar a leitura entre os brasileiros, trago essas 8 dicas para que você possa aumentar o número de livros lidos durante o ano.

 

7 Dicas para Ler Mais Livros por Ano.

1. Controle-se

A primeira dica é para aqueles que não têm um controle sobre o que já leram e o que estão pra ler. Como já foi dito, ler é uma questão de prática, um hábito. Para que consigamos aumentar o número de livros lidos por ano, precisamos ter um controle do que já lemos e do que vamos ler. Portanto, nada de preguiça.

Faça uma lista dos livros que você já leu, tente separá-los por assunto e por ano, caso você lembre quando ele foi lido. Essa separação te ajudará na próxima dica, pois, quando não lemos livros aleatórios, sem saber o que realmente gostamos, teremos maior dificuldade em “gostar” de ler.

Desta forma, controle o teu “estoque” de livros. Faça uma lista dos livros lidos e dos que estão por vir. Nas duas listas, separe por assunto, tema ou classificação. Permita-se fazer um balanço sobre os temas mais lidos, classificando-os como: Gostei Muito; Gostei; Bom; Regular; Nunca Mais.

Vale lembrar que existem vários serviços online que fazem esse trabalho todo por você, entre eles, temos: O Livreiro, Skook e Goodreads.

Agora que já tem a lista, vamos para a próxima dica!

 

2. Cultive o seu Interesse

Com as listas separadas, pegue a dos livros lidos e veja quais foram os assuntos mais lidos. Veja se você leu mais histórias de Romance, Aventura, Ficção Científica, Suspense, Autoajuda e etc. Após fazer essa classificação, você terá uma percepção de qual assunto você mais gosta. Logo, não gastará dinheiro com livros que só têm títulos e capas bonitas.

É muito importante saber quais são os livros que mais te agradam, pois saberá onde focar a sua leitura; tornando-a um prazer ao invés de “obrigação”. Ler livros em algum objetivo é o mesmo que vagar pela rua sem rumo. Às vezes pode ser interessante, mas boa parte das vezes, se torna chato e solitário.

Portanto, cultivar o seu interesse pela leitura pode ser um ótimo caminho para aumentar o número de livros lidos durante o ano. No entanto, não só de “bife à parmegiana” (minha comida favorita) é que sobrevivemos.

Assim, vejamos o que mais podemos fazer para aumentar essa leitura.

 

3. Diversifique o Tipo de Leitura

Agora que já sabemos os nossos gostos, vamos expandir nossos horizontes. Ler aquilo que gostamos é muito importante, pois nos ajuda a mantermos constante o exercício da leitura. Porém, é fundamental diversificar o tipo de leitura, pois sempre seremos “cobrados” por isso.

Não estamos criticando o teu gosto pela leitura, mas informando que só ler livros de vampiros, por exemplo, não é algo que te fará um bom leitor. A boa leitura está na qualidade dos livros e na diversidade, pois só assim poderemos comparar e estabelecer o que é bom e o que não é, o que garantirá um maior senso crítico e, consequentemente, um maior aprendizado.

Portanto, variar o tipo de leitura não só te garantirá um maior senso crítico, como também poderá gerar novas amizades e abrir novos horizontes para a tua vida.

Dessa forma, busque não ficar com os livros que tratem sobre o mesmo assunto. Por exemplo, se Romance é o que mais te agrada, leia dois livros de romance e depois leia o segundo assunto da lista dos livros mais lidos. Alterne os livros e contribua com o teu próprio crescimento.

 

4. O Ambiente é Fundamental

Já explicamos como o ambiente é importante tanto para escrever quanto para melhorar a leitura. Mas, como não é demais lembrar, vamos explicar por que  ler em um ambiente ideal para cada tipo de leitura é importante.

A leitura é um dos poucos caminhos que são guiados pelos sentidos. Ao lermos uma descrição de feita num livro, automaticamente nos colocamos no ambiente descrito; sentimos a distância do espaço, os móveis, as pessoas, os olhares, os cheiros e até podemos sentir o toque, quando bem descritos. Portanto, negar um ambiente propício ao tipo de leitura é barrar a sensação de estarmos imerso no livro.

Mesmo que a imaginação faça todo o processo de criação, se estivermos em um local apropriado, as sensações serão maiores e a imersão será muito maior. Digo isso por que sei o quanto é importante para o leitor estar envolvido na história. Se estivermos absorvidos pela narrativa, provavelmente leremos com maior prazer, tornando a leitura mais rápida e divertida.

Poucas pessoas dão valor ao ambiente na hora da leitura, porém, garanto que se você estiver num local propício, a leitura será absorvida por completo e você terá boas recordações no futuro. Não subestime a capacidade das sensações durante a leitura.

 

5. Livro sempre à Mão

Como vimos, o ambiente tem um grande valor para melhorar a leitura, porém, se o objetivo é aumentar o número de livros lidos por ano, temos que levar em conta que nem sempre teremos aquele local ideal para lermos.

No entanto, se já tivermos começado a leitura em um local apropriado, provavelmente, as sensações já estão guardadas e precisando de um pequeno empurrão para serem afloradas novamente. Além do mais, se já tivermos experimentado as sensações que o ambiente e a história poderiam nos dar, a curiosidade fará o teu trabalho.

Assim, não espere para chegar em casa e ler o livro. Leve-o com você! Tenha sempre o livro contigo, pois, nunca saberemos se um ônibus, metrô, palestra, reunião ou até mesmo se a(o) namorada(o) poderá chegar atrasada(o).

Essa dica serve não só para os que estão tentando aumentar o número de livros lidos, mas para todos que se encontrem em alguma das situações citadas. Portanto, tenha sempre um livro em mãos. Sempre! Nunca saberemos como o dia pode acabar, e é melhor ter uma companhia do que ficar contando segundos.

 

6. Abuse do Livro

Alguns irão me criticar por essa dica, mas, se praticarem, tenho certeza que me agradecerão no futuro.

Sei que a paixão pelo livro vai além do vil metal. A paixão envolve tudo, indo desde a capa até a sua conservação. Porém, o livro não foi feito para ser mantido em uma redoma de vidro, livros são feitos para serem consumidos. Assim, não nutra uma paixão pelo livro, mas pela história. Utilize o livro como uma fonte de cultura.

Até um tempo atrás, eu tinha muito cuidado com os meus livros, tentando conservá-los sempre bonitos e arrumados. Porém, com o passar dos anos, o livro se tornou uma fonte de ideias, de perguntas e observações. Às vezes, quando estou lendo um determinado livro (nenhum em especial), sempre me deparo com uma passagem interessante, algo que me faz querer pegar um lápis e um papel e anotar, porém, nem sempre estou tenho um papel fácil à mão, portanto, o que comecei a fazer foi escrever no próprio livro. Seja um diálogo, uma descrição ou o pensamento de um personagem, acabo grifando, anotando ou escrevendo alguma coisa que provavelmente será útil no futuro.

Anotar e grifar o livro pode parecer agressivo, mas, na verdade, só encontrei benefícios, até hoje. Se você é escritor, saberá o quão importante essas anotações podem ser úteis. Porém, se você não acredita que anotar nos livros possa trazer algo de bom, faço um desafio: Faça isso somente uma vez. Pegue o livro que está lendo e comece a anotar e grifar aquilo que você acha importante ou relevante. Assim, depois que terminar de ler o livro, volte para ler as tuas anotações e grifos e você verá que o livro ficará mais interessante que nunca!

Essa dica eu utilizo muito quando faço a resenha de um livro. Depois de ler o livro inteiro, volto e vejo as minha anotações, e vejo a quantidade imensa de informação que as minhas observações acrescentaram no livro e, claro, para a resenha.

Faça o teste e depois volte para contar.

 

7. Obtenha Dicas de Leitura

Após fazer as listas, separar o joio do trigo, estabelecer algum ambiente para leitura e continuar a leitura sempre que possível, chegou a hora de obter novas dicas para ampliar as tuas leituras.

Muitas vezes, temos a impressão que estamos estagnados em uma certa categoria de leitura, sem sabermos o que fazer para procurar algo parecido ou melhor. Assim, para evitar que a leitura se torne “o mais do mesmo”, busque informações sobre outros assuntos, sobre outros temas, sobre outros autores. Uma boa forma de obter essas dicas é procurar por resenhas de livros.

Certas horas, ao lermos uma boa resenha, já teremos uma prévia do que o livro nos trará, evitando um gasto com possíveis leituras desagradáveis. Sem contar que uma boa resenha tem o poder de te preparar para a leitura, deixando sua imaginação e ideias aguçadas, prontas para o início de uma boa leitura.

Além do mais, quando for obter dicas de leitura, a possibilidade de se criar uma discussão sobre algum livro é alta, o que só trará maior gosto pelo que você leu e o que lerá. Assim, não deixe de compartilhar as tuas opinões e ouvir o que os outros têm a acrescentar, fazendo com que suas listas cresçam, aumentando número de livros lidos por ano.

 

_________

Bom, pessoal, essa são as dicas que eu tinha pra hoje.
Se tudo der certo, semana que vem, neste mesmo horário, teremos novas dicas no Folhetim Online. E, se você perdeu as anteriores, não fique preocupado, aqui estão elas:

  1. Escreva Melhor: 7 dicas para escritores
  2. Escreva um Conto: 8 dicas para contistas
  3. Melhores Diálogos: entenda os 3 tipos de discursos
  4. Melhores Diálogos: 7 dicas para escritores
  5. Leia Melhor: 6 dicas para a boa leitura
  6. Personagem: 5 dicas para criar um personagem
  7. + Dicas

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>